O marketing e a satisfação de clientes actuais e procura de novos clientes

  1. pesquisar novos clientes

Eu não preciso de apostar em marketing, porque não preciso de mais clientes.

5 razões para pensar melhor antes de dizer isso, e porque são importantes novos clientes e manter os actuais.

Nas minhas conversas com vários empresários, uma das frases que vou ouvindo, é que não têm necessidade de apostar em marketing, sobretudo no online, porque já têm uma carteira de clientes bastante satisfatória, a roçar o limite da capacidade de produção da empresa. Em minha opinião, será certamente, um bom sinal.

No entanto, pode ser extremamente perigoso pensar assim, pois, como em tudo, os clientes têm um ciclo de vida, que inevitavelmente, vai ditar as suas regras, e fará com que, um dia, esse cliente, deixe de o ser.

Apesar de ser um dos chavões do mundo empresarial, manter um cliente, fica mais barato do que, adquirir um novo, é inevitável procurar novos clientes. Além do mais, deve pensar o seu marketing, quer numa perspectiva de angariação de novos clientes, como também, numa perspectiva de manter os clientes actuais, e se possível, torná-los mais rentáveis.

Ou porque abriu um concorrente seu mais perto, mais barato, com melhor serviço, ou porque um cliente, insatisfeito com o seu serviço o deixou de procurar, ou faleceu, ou tantas outras razões, são alguns dos motivos porque vai perder clientes.

Posto isto, uma aposta no marketing, de forma constante, planificada, com uma boa estratégia, suportada em boas tácticas, através dos meios mais adequados a chegar aos seus potenciais clientes, pode ajudá-lo a:

  1. Assegurar a renovação de clientes no curto prazo, convença-se de uma coisa, os clientes não são seus, cada vez mais, existe uma volatilidade e infidelidade de clientes, que hoje compram a si e amanhã ao seu concorrente.

  2. Criar clientes a médio/longo prazo, pois a utilização correcta do marketing, sobretudo, potenciando a presença em meios digitais, permite-lhe estreitar relações, fidelizando assim, mais facilmente os clientes que tem;

  3. Criar condições para satisfazer melhor os seus clientes. Aumentando os canais de comunicação, e com uma presença mais assídua, pode estabelecer mais conversas com os seus clientes, ouvi-los, e assim, perceber mais facilmente o que eles esperam de si, como melhorar o seu serviço e proporcionar aquele extra que, o seu concorrente não proporciona e os seus clientes valorizam. Aposte de forma consistente e consciente em meios digitais, são um meio muito poderoso para uma abordagem deste tipo;

  4. Através da utilização do binómio oferta procura, permitir aumentar preços, e com isso, aumentar a rentabilidade do seu negócio. Repare numa coisa, quando tem maior poder negocial, quando tem muitos ou poucos clientes? Pois é, o volume de clientes, pode ajudá-lo a aumentar preços e com isso, subir margens.

  5. Muito provavelmente, se chegou a um ponto de ter a sua carteira de clientes no limite, acredite que, mesmo que de forma involuntária, tem estado a fazer um bom marketing. Mas não se esqueça, decorre do próprio marketing a necessidade de estar em constante actualização e aplicação, é como a higiene pessoal, a toda a hora e momento!

Lembre-se disto, o papel do marketing, é criar condições para que os seus clientes cada vez lhe consumam mais, e também, permitir que novos clientes cheguem, para garantir a sustentabilidade do seu negócio. Achar que pode prescindir do marketing porque já tem os clientes suficientes, é a mesma coisa que achar que por fazer apenas deslocações pequenas, não precisa de meter gasolina no seu automóvel, um dia, fica apeado…

Posted in: